Confrontando o cotidiano #1 – “é só vinte reais”

Estou começando uma pequena série para catalogar no blog as experiências hilárias, irônicas e frustrantes que a imersão na IF causa num mundo onde todos são programados para gastar. Espero que gostem!

Outro dia, almoçando no escritório, fui abordado por alguns colegas de trabalho sobre a minha decisão de trazer comida de casa. Quase sempre trago o almoço de casa em marmita, pois além de ser mais barato ganho a vantagem de poder comer exatamente a quantidade que quero, e saber exatamente os ingredientes que foram envolvidos. Este hábito não é exatamente incomum onde trabalho – muitos trazem de casa e passam almoçando ou na própria mesa ou no refeitório, e eu diria que a proporção dos que saem pra almoçar e os que ficam gira em torno de 60 a 40%.

Eis como a conversa fluiu, mais ou menos:

Cara A: Você sempre traz, né? Quando você gasta com esse almoço?

Pinguim Investidor: Dá mais ou menos uns 10 reais.

Cara B: Por que você traz todo dia?

Pinguim: fica fácil pra mim e eu economizo uns 20 reais fazendo isso.

Cara A: mas vale o esforço?

Pinguim: Com certeza. Economizo bastante.

Cara A: Mas é só 20 reais…

Pinguim: …que torna isso quase 500 reais no fim do mês.

droopy_calouaboca

Cara A:

Cara B:

Cara A, B: (prosseguem tentando justificar que não tem tempo / não precisam passar por esse sacrifício / preferem “investir” o dinheiro em experiências gourmets, etc)

20 reais ao dia, ao fim do mês dá 400 reais que eventualmente dá R$4800 ao ano. O que você faz com 20 reais num dia? Talvez hoje não muito. Por outro lado, quase R$5000 num ano é coisa pra caralho. Investindo isso, ainda mais coisa.

E mesmo assim as pessoas não tem tempo, dinheiro nem paciência para cozinhar por si mesmo e comer uma coisa saudável, controlada… e barata. Salve, geração gourmet!

Abraços!

Anúncios

Publicado por

pinguiminvestidor

O pinguim é uma ave da família Spheniscidae, característica do Hemisfério Sul, em especial na Antártida e ilhas dos mares austrais, chegado à Terra do Fogo, Ilhas Malvinas e África do Sul. Este pinguim em particular prefere dinheiro às sardinhas, e é fã do software livre (GNU/Linux)

2 comentários em “Confrontando o cotidiano #1 – “é só vinte reais””

    1. Verdade. Tinha inclusive uma fórmula que eu tinhe visto no site do Mr Money Mustache que ia ainda mais a fundo, mostrando pra você o quanto que $10 diários, investidos, te custariam ao longo de 10 anos. É bizarro.

      Pequenos hábitos são os que mais fazem diferença a longo prazo!

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s